Nossa História

Nossa História

20170731184538_597f7ad200f54.jpg

 
PedrozaIMG_6355.JPG

 

SINDIFISCO fará 30 anos

 

Em 2019, o Sindicato do Fisco de Sergipe (SINDIFISCO) fará três décadas de existência. Os atuais gestores foram eleitos e empossados em 2017. Atualmente, a entidade é presidida pelo auditor fiscal tributário, Paulo Pedroza.

 

O Sindicato nasceu em 17 de janeiro de 1989, um ano após a promulgação da Constituição de 1988, a Constituição Cidadã. Apesar da fundação da entidade ter ocorrido no mês de janeiro de 1989, após uma assembleia, a primeira diretoria foi oficialmente empossada em novembro daquele ano.

Desde a sua instituição, o SINDIFISCO tem por objetivo defender os interesses da categoria, atendendo a Auditoras e Auditores Fiscais Tributários (ativos e aposentados(as), atuando em questões referentes aos deveres e direitos no serviço público.

De associação a Sindicato  

Este ano, a Associação dos Servidores no Fisco do Estado de Sergipe (Asfise) completou 50 anos. A entidade foi a primeira referência para a organização do Fisco sergipano. Foi criada em 03.05.1967. A primeira diretoria da Asfise foi presidida por José Bispo dos Santos (falecido). O primeiro secretário foi José Nelson de Oliveira.

Missão e Princípios

A missão e os princípios do Sindifisco estão expressos nos primeiros artigos do Estatuto, em especial do artigo 2º ao 4º. Veja na íntegra:

Art. 2º - O Sindicato é uma entidade classista, autônoma e democrática, que assume como princípio fundamental seu compromisso de luta e manutenção dos direitos dos servidores integrantes da Carreira de Auditores Técnicos de Tributos, na defesa por melhores condições de vida no trabalho, assim como seu engajamento na manutenção das instituições democráticas brasileiras.

Art. 3º - O Sindifisco desenvolve suas atividades de uma forma independente do Estado, do Governo, e de forma autônoma em relação aos partidos políticos, aos credos religiosos e aos agrupamentos de natureza não sindical.

Art. 4º - São objetivos do Sindifisco: I) Desenvolver, organizar e apoiar todas as ações que visem à conquista de melhores condições de vida e de trabalho para o conjunto da categoria; II) Promover a solidariedade entre os trabalhadores, desenvolvendo e fortalecendo a consciência de classe, objetivando a construção de uma sociedade justa e igualitária; III) Lutar pela emancipação dos trabalhadores e pela conquista dos seus interesses imediatos e históricos; IV) Defender e colaborar com a solidariedade entre os povos para a concretização da paz e do desenvolvimento mundial; V) Lutar pela conquista e garantia das liberdades individuais e coletivas, pelo respeito à justiça social e pelos direitos fundamentais do homem consagrados pela Declaração Universal dos Direitos Humanos da ONU; VI) Defender e colaborar com a preservação da qualidade de vida e do meio ambiente.

 

29 Anos de Lutas e Conquistas